quinta-feira, 15 de junho de 2017

Parauapebas: O pedido de intervenção do MP para o Jatene inepto

O governador JATENE não resolve nem os problemas do seu governo, que dirá o da saúde municipal de Parauapebas


video


Jatene não cumpre nem com suas responsabilidades


Caso o MPPA quisesse ajudar Parauapebas com um problema grave que atinge sua população, deveria pedir que JATENE intervisse na segurança pública do município.

Deveria o MPPA pedir intervenção para que Jatene cumprisse com suas obrigações de governador na segurança pública.

Faroeste

Parauapebas e outras cidades do Pará foram entregues a verdadeiras milícias e chacinadores, alguns atuando dentro do próprio aparato estadual, chefiado por Jatene, nesse quesito, Parauapebas e todo o Pará quer uma intervenção, pois o Jatene transformou o território estadual num verdadeiro faroeste.

Saúde em Parauapebas: GAMP de R$ 100 milhões e fraudes nos plantões médicos

A saúde no município de Parauapebas vive uma crise que não é de hoje, tem coisas absurdas como se contratar uma "oscip", a GAMP, por cerca de R$ 100 MILHÕES, e essa entidade ainda fechar o único hospital público da cidade. O MP nunca fez nada em relação a isso e jamais fará.

Parauapebas viveu a "máfia dos plantões médicos", até hoje não se sabe o que o MPPA fez, até hoje a população aguarda alguma medida efetiva.

Problemas persistem e a omissão do governo Jatene é um deles

É fato, muita coisa melhorou no atual governo na saúde pública municipal, mesmo assim, como se percebe na reportagem, o próprio Conselho Municipal de Saúde comprova, problemas graves ainda permanecem e o Ministério Público tem razão num ponto, os recursos aplicados deveriam significar um serviço melhor, realmente é preciso fazer algo, isso não significa pedir socorro pra quem só sabe criar problemas, que nem esse malversado governo Jatene. 

Quando recorreu ao Jatene, o MP transformou algo muito importante e que aflige seriamente a população de Parauapebas em pura política partidária.

Intervenção sim, mas do MP e da comunidade

Está na hora de intervir mesmo, o MP pode fazer isso efetivamente e estimular que a população também o faça.

Tem que intervir mesmo, faz uma força tarefa e chama a sociedade, mas esquece esse Jatene:

1) Fiscalizando as escalas de trabalho dos médicos e seu real cumprimento;

2) Fiscalizando se o secretário cumpre sua agenda no hospital ou na sua clínica;

3) Fiscalizando o fornecimento dos suprimentos e medicamentos fornecidos pelas empresas contratadas;

4) Responsabilizando quem colocou a saúde do município no caos que o atual governo recebeu.

Quanto ao pedido para JATENE

Que o Ministério Público leve o Jatene para sua casa, Parauapebas não quer Jatene nem pintado de ouro. 

Ninguém quer JATENE, só o MP, pelo jeito, apenas parte do MP.

Nenhum comentário:

Postar um comentário