quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Parauapebas: Vereadores candidatos à reeleição são filmados recebendo dinheiro

As imagens já estão com o Ministério Público - os fatos tem relações diretas com a OPERAÇÃO FILISTEU


video


Maridé e Bruno

O vereador Bruno (PSD) e Maridé (PSC) são flagrados recebendo dinheiro, o vereador Miquinha (PT) tem seu nome citado nas gravações, mas não foram divulgadas imagens dele.

O Ministério Público (GAECO) já intimou os envolvidos

Todos os envolvidos que foram flagrados recebendo o dinheiro já foram intimados para prestarem seus esclarecimentos no Ministério Público.

GAECO

As imagens podem ser o elo que faltava para o desfecho final das investigações do Grupo de Atuação e Combate ao Crime Organizado - GAECO - em Parauapebas, na OPERAÇÃO FILISTEUS.

"Conduta triplamente qualificada"

O vídeo caiu com uma bomba nas redes sociais em Parauapebas, revelando uma forma triplamente indecente: primeiro, o empresário corrompe vários políticos; segundo, o mesmo empresário grava os políticos; terceiro, o empresário usa a gravação para fins ilícitos.

Qual a finalidade

Como explicar que alguém queira gravar seus próprios "parceiros" de negociatas.

Obviamente, a gravação não foi realizada para auto incriminação, esse tipo de imagem é repugnante, revela uma conduta mais que criminosa.

As imagens gravadas ilicitamente foram usadas para fins ainda mais ilícitos.

Datas das imagens

A polêmica sobre as datas das gravações das imagens tem pouca importância, a contundência do que elas revelam é auto explicativa, ou seja, agentes políticos recebendo dinheiro das mãos de um empresário "financiador" de campanha - que mais precisa.

3 comentários:

  1. gravação de 2012 e 2008 como voce ja deve saber....

    ResponderExcluir
  2. A cassação das candidaturas dos envolvidos e citado, seria o mínimo que uma justiça decente poderia fazer como forma de resposta imediata à população. E depois a prisão de todos, inclusive do empresário. Você acredita que alguma coisa vai acontecer? Eu não, só a impunidade.

    ResponderExcluir
  3. Concordo plenamente que essas estratégias de "apoio" a políticos sejam realmente, apuradas e punidos os culpados... Devia o Ministério Público deveria fazer uma varredura desde as últimas quatro legislaturas pelo menos, para ver a podridão que existe no Pebas. Estranho mesmo é que só divulgaram a turma do Velhote, porque o Ministério Público e o GAECO não conclui a investigação daquele helicóptero cheio de dinheiro pra comprar votos peo Darci e sua gang, o dinheiro foi guardadlo, ninguém é foi preso e ficou elas por elas...

    ResponderExcluir