segunda-feira, 2 de julho de 2012

Marabá: a estranha aliança PPS e PT, uma terceira via que tanto faz. PT que foi vice do ASDRÚBAL, quer ser vice do SALAME, que queria ser vice do TIÃO


O Sol do Carajás publica análise do Contraponto e Reflexão:

Sucessão em Marabá - terceira parte

O PT - O sonho de ser vice!

O PT de hoje não é o mesmo PT de 1988 com a ferrenha combatente professora Julia Furtado. Na época Julia e o PT se reunia nas calçadas para divulgar sua campanha. Aparentemente não sendo o mesmo, o PT ainda carrega o mesmo ranço pelo poder. Pelo menos ser vice já o satisfaz!

O sonho do senhor Luiz Carlos Pies é ser vice! Aliás, essa é a terceria vez que o petista disputa como vice: A primeira em 1988 com Júlia Furtado na cabeça, a segunda em 2004 com Asdrúbal (PMDB) na cabeça e agora com João Salame (PPS). Vale lembrar que em 2004 fez todo um esforço para ser vice do Tião (PTB), mais recebeu um nãooooo!
________________
Nota: em Parauapebas DARCI aceitava Coutinho-PT de vice, mas BEL "a papudinha de Brasília", vacilou e não acreditou, talvez devido a sua franca decadência. "A papudinha de Brasília" caiu no conto do vigário", aliás, do quase padre!

O PT que a nível estadual também foi vice de Almir Gabriel nas eleições de 1990 contra o Jader (PMDB), constituiu uma ampla aliança proporcional denominada de Frente pela Vida para apoiar Haroldo Bezerra (PSDB) para prefeito em 1992. Não podemos esquecer que o PCdoB tinha candidato laranja: O Conceição que foi registrado pela frente, mas que fazia campanha para HB.

Em 1996, rompe com Haroldo e o PSDB e lança o mesmo Luiz Pies para prefeito e o finado Evandro para vice. O efeito da campanha consegue eleger dois vereadores: Ademir Martins e Bernadete tem Caten que farão oposição ao governo Veloso (PFL e depois PSDB) nos dois mandatos.

Em 2000, articula uma aliança com o PCdoB e lançam Bernadete para prefeita e o advogado Hernades para vice. O PT obté, cerca de 10% dos votos e elege Raimundinho e Luiz Carlos para câmara.

A partir daí o partido e seus dirigentes em Marabá, embalados pela aliança nacional começa a desgrudar das massas e dos moviemntos sociais e optam apenas pelo viés eleitoral. Como já disse, tenta emplacar a vice de Tião e termina com o PMDB de Asdrubal e Guido Mutran Jr. em 2004.

Nas eleições estadual de 2006, com a força de superintendente do Incra, Bernadete é eleita deputada estadual, e em 2008 com apoio do Lula e Ana Julia constitui uma frente com PDT de Julia Rosa e Sérgio Corrêa, PSB de Elton Mamoré, PMN de Félix Marinho, PHS de Gerson do Badeco e da família Athie e novamente Bernadete é candidata á prefeitura tendo como vice o então vereador Ferreirinha (PSB).

Em 2012, não acumulando força, tendo Ana Julia sido derrotada para o governo do Pará, o PT novamente abre a possibilidade para que o sonho de Luiz Carlos Pies, se torne uma realidade: SER VICE!

A aliança com PPS de Roberto Freire e Raul Jungman, o PMDB de Jáder e Nagib, o PV de Zequinha Sarney e Dr. Jorge Bichara e mais o PMN e o PHS de Gerson do Badeco colocam no mesmo barco antigos aliados e desafetos políticos.

Será que é uma terceira via?

Nenhum comentário:

Postar um comentário