quinta-feira, 21 de junho de 2012

Parauapebas: a farra eleitoral de Darci-PT, professor não é massa de manobra e merece respeito
Darci: ontem desprezo e deboche, hoje,
ano eleitoral, aumento e PCCR. 
Em 2010, os professores realizaram a maior greve da história de Parauapebas, frente ao descaso do governo Darci. Naquele ano, o desrespeito aos professores deixou sequelas incuráveis, além do deboche e dos despautérios que os profissionais da educação tiveram que tolerar por parte do prefeito e dos seus secretários-asseclas.

Pois bem, 2012 é ano eleitoral e tudo mudou, Darci-PT enviou à Câmara Municipal projeto de lei com aumento da remuneração dos profissionais da educação e enviou até um PCCR, pois é, devemos comemorar? Sim. Primeiro, os professores merecem; segundo, a categoria dos profissionais da educação em Parauapebas não é e nunca foi massa de manobra de governo nenhum e, mas que todos, sabe o quanto foi e é desrespeitada por esses "ex-operários do giz", secretários e vereadores, hoje milionários e fazendeiros, que antes debochavam dos seus antigos colegas de profissão, mas agora, por ser ano eleitoral, vem com essa manobra!

Os professores saberão usufruir de merecido aumento! Sabem o quanto tiveram e tem que lutar e trabalhar para conseguir qualquer melhoria, mas nunca mereceram e nunca esquecerão o tamanho distrato que sofreram no governo dos "ex-operários do giz"

O mais estranho é que as leis de Parauapebas não são publicadas em lugar nenhum, um absurdo, mas tudo indica que até na hora de fazer o bem o prefeito e sua base de apoio na Câmara, para não perder o costume, preferem o caminho da ILEGALIDADE!
_________________
Nota: o mais estranho é esse Ministério Público que nada faz em Parauapebas, em Brasília, uma promotora e o procurador geral de justiça foram afastados e presos, agora, ontem, um delegado foi preso por prevaricação em favor de políticos. Será que são esses senhores que irão fiscalizar as eleições no município? Preocupante!

Nenhum comentário:

Postar um comentário