sábado, 23 de junho de 2012


Paraguai: DILMA condena deposição de Lugo e convoca embaixador

O Brasil condenou neste sábado à noite o impeachment do ex-presidente paraguaio Fernando Lugo, ocorrido nesta sexta-feira (22).

Em nota, o Itamaraty disse que o "governo brasileiro condena o rito sumário de destituição do mandatário do Paraguai" decidido pelo Senado por 39 votos a quatro.

O embaixador brasileiro em Assunção foi convocado para consultas em Brasília.

Marcos Brindicci - 22.jun.2012/Reuters
Fernando Lugo (centro), presidente deposto do Paraguai, caminha no Palácio Presidencial antes de ser deposto
Fernando Lugo (centro), presidente deposto do Paraguai, caminha no Palácio Presidencial antes de ser deposto

Segundo o Ministério de Relações Exteriores, "não foi adequadamente assegurado o amplo direito de defesa" ao ex-mandatário da nação. Lugo foi destituído em apenas 30 horas.

O comunicado do ministério diz que "o procedimento adotado compromete pilar fundamental da democracia, condição essencial para a integração regional".

Fonte: Folha de São Paulo

Nenhum comentário:

Postar um comentário