domingo, 15 de abril de 2012

As alianças do PT na pauta do dia

Hoje o PT faz vários eventos que devem alterar de vez sua cara. Definem a política de aliança em vários municípios brasileiros. Um deles, dos mais quentes, tem em Curitiba seu palco de disputa entre os petistas de linhagem história e os novos petistas, pragmáticos (nada a ver com a linha do tempo da vida deles, aliás). Para sentirem o clima reinante, reproduzo abaixo uma mensagem que acabo de receber. Não divulgo o autor porque não me autorizou. Mas a mensagem é muito significativa dos tempos atuais.

_________________
Nota: enquanto isso, em Parauapebas, o candidato "ungido" pela grana e pela corrupção, CONTINHO-PT, perdido num mar de lama, afunda-se! Agora, por meio do seu coordenador de campanha, inicia a fase da "pura delinquência virtual". O pragmatismo do PT paraense e do PT parauapebense é uma viagem pelo código penal brasileiro. 



Prezado Blogueiro:
Um amigo de Curitiba enviou-me essas fotos há pouco.
Mostram banner de campanha da chapa 1, de delegados do diretórios zonais do PT de Curitiba à convenção que decidirá se o Partido terá candidato próprio a prefeito de Curitiba, ou se apoiará Gustavo Fruet, até dezembro passado membro do Diretório Nacional do PSDB e detrator contumaz do ex-presidente Lula, da presidenta Dilma e do próprio PT. E que agora foi para o PDT.
A chapa 1 apóia Fruet e é formada pelos membros da maioria do diretório local que são contra que o  PT tenha candidato próprio e está fazendo hoje uma campanha milionária, com grandes banners, transporte de delegados, folders, bottons, etc.
Até aí nada demais, embora, impróprio para um partido como o dos trabalhadores...
Acontece que o banner onde aparece Paulo Bernardo traz foto dele produzida pelo Ministério das Comunicações, conforme consta do próprio banner, por escrito, com todas as letras.
Será ético? Será legal? Pode ser que sim, pode ser que não.
Mas uma pergunta é fácil de responder: será conveniente que, numa campanha interna de um partido como o PT, tão visado, tão cobrado, o ministro filiado ao partido, use dessa condição?
Pesquisa realizada essa semana pela rádio CBN apurou que 70% dos entrevistados apoiariam o candidato que o ex-presidente Lula indicasse para prefeito de Curitiba.E os militantes do partido na cidade se perguntam porque o PT deveria carrear esse prestígio para um candidato que até alguns meses combatia ferozmente Lula, Dilma e o próprio PT. 
 Ele mesmo, Gustavo Fruet, diz o que ele acha do Lula e do PT nesse vídeo. http://www.youtube.com/watch?v=UtdnHFUC1e8

Um comentário:

  1. Como é apenas uma "viagem" pelo CP...deixa que o resto a BLINDAGEM do TCM cuida!

    ResponderExcluir