segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

QUEDA DE BRAÇO NA BAHIA


O líder do movimento grevista Marco Prisco acaba de fazer um pronunciamento para os manifestantes em frente a Assembleia Legislativa. O clima está tenso, mas segundo Prisco, os grevistas não vão sacar as armas. Os policiais que aderiram ao movimento grevista preparam um cordão humano na entrada do Legislativo baiano para evitar a entrada do Exército. Em seu discurso, Prisco afirmou que foi informado pelo coronel Castro que a sua prisão será efetuada hoje e que ele será enviado para o presídio federal, que não vai ficar na Bahia. “Para o presídio federal eu não vou”, disse e foi aclamado pelos manifestantes. 
Prisco a todo instante insistiu para que os colegas não sacassem as armas. “Não vamos dar razão para que eles digam que somos radicais”. O líder grevista diz ainda que já foi lhe dito que as tropas estão a caminho da Assembleia. Contudo, até às 18h30, não havia a presença confirmada de nenhum batalhão no local. (Foto: Roberto Viana // Bocão News)

Nenhum comentário:

Postar um comentário