quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Asdrúbal é condenado pelo STF

O STF bate o martelo e condena ASDRÚBAL BENTES  a 3 anos, 1 mês e 10 dias de prisão em regime aberto e 14 dias multa, no valor de 1 salário mínimo-dia!

O STF decidiu que a perda do mandato não será automática, remetendo para a Câmara dos Deputados que decida conforme entenda, de acordo com o Art. 55, § 2o. da Constituição Federal, onde-se estabelece que caberá a Mesa da Câmara, provocada por partido político com representação no Congresso Nacional ou por membro da mesa, poderá abrir processo de cassação de mandato eletivo.

Imaginar que a Câmara cassará um deputado que foi condenado por corrupção eleitoral, ofertava laqueadura a mulheres em troca de voto, ainda mais depois da absolvição de Jaqueline Roriz, não é algo impensável.

Algumas situações complicam a vida do deputado Asdrúbal, pois transitado em julgado sua condenação, ela terá sua execução será em Marabá, o que impossibilitará o exercício do mandato em Brasília!

Nenhum comentário:

Postar um comentário