sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Contrato do Pazinato sangra Parauapebas

Não é possível, aceitável que o contrato do Pazinato suma no meio de um inquérito civil sobre a CFEM (royalties). É importante que o Ministério Público do Pará tenha interesse em saber como a CFEM foi aplicada pelo governo municipal, na própria lei orçamentária, até 2010, o uso indevido é patente e aprovado pela Câmara Municipal. Porém, se faz premente que seja  instaurado inquérito civil, imediatamente, se já não o foi, para se investigar minunciosamente o escandaloso "contrato do Pazinato", em todas suas dimensões. 
Esse contrato são as garras do "gato da SAAEP" sobre as receitas públicas de Parauapebas.

O MP já deveria ter acionado medida cautelar suspendendo a validade do vergonhoso e lesivo pacto  DARCI/PAZINATO/MARGALHO.

É preciso que a população saiba os valores que já foram desembolsados ao Sr. Pazinato. Como que isso foi pago, se na boca do caixa, se e por depósito bancário, se há saques em dinheiro da conta onde esses recursos foram depositados e rastreá-los. 

O contrato Pazinato é o fim da picada!




Nenhum comentário:

Postar um comentário