quarta-feira, 15 de junho de 2011

Em todo caso, quem manda mesmo são os bancos

“O episódio pode ser considerado um indicativo de que o PT mudou seus ideais ao virar governo?
Exatamente. Nunca me filiei a nenhum partido político, mas ajudei a construir o PT, assessorei muitos movimentos que formaram lideranças que hoje integram o PT e a política profissional. Lamento que os dirigentes do PT hoje deem consultoria aos donos do dinheiro. Andando pelo Brasil, já não encontro esses dirigentes prestando consultoria a movimentos sociais.” (www.viomundo.com.br)
________________________________________________________________________
Nota: E olha que Frei Beto nunca ouviu falar do prefeito maluquinho de Parauapebas, já pensou o que diria da trinca de ouro ou de "cópula" Darci/Margalho/Pazinato. Frei Beto não perderia seu tempo, o caso aqui é de polícia, cadeia, xilindró!
O caso do PT de Parauapebas é de dissolução, o partido estar nas mão de bandidos comuns, pequenos e grandes delinquentes! Só isso, sem solução, dissolução!

Nenhum comentário:

Postar um comentário